Google For Education adapta pesquisa do Instituto Península

O resultado do comparativo entre os dois estudos é tão surpreendente que o Google For Education decidiu compartilhar seus dados em um infográfico O Google For Education é uma solução tecnológica desenvolvida para facilitar a vida de professores e alunos dentro e fora das salas de aula. A qualquer hora e a partir de qualquer dispositivo móvel conectado à internet. A plataforma educacional possibilita às escolas, aos professores e estudantes explorarem a criatividade no uso da tecnologia para melhorar a aprendizagem. A colaboração é o ponto-chave para seu uso. Também chamada de crowdsourcing, essa colaboração é o que torna possível a diversos estudantes realizar trabalhos, produzir textos, desenhos, tabelas, mapas e imagens ao mesmo tempo -- mesmo que estejam em espaços físicos distintos. Durante o período de distanciamento social, sua utilização acabou, é claro, sendo intensificada. Pelos já usuários e com a chegada de novos colaboradores. Foi em meio a esse boom que o Google for Education recebeu uma pesquisa pública feita pelo Instituto Península. O levantamento traça um panorama sobre como professores brasileiros estão se sentindo, em relação ao ensino remoto e o uso da tecnologia nesse período. Mesmo online, entrega de prêmio é marcada por forte emoção 20 habilidades tecnológicas que todo professor deve ter Por compartilhar da mesma preocupação no que diz respeito a esses profissionais, o Google for Education também considera fundamental estabelecer uma rede de apoio que dê voz aos educadores. "Com o intuito de entender esse cenário e beneficiar instituições de ensino de todo o Brasil, resolvemos adaptar a pesquisa à realidade dos educadores de nossas escolas parceiras", diz o documento. O resultado do comparativo entre os dois estudos é tão surpreendente que o Google For Education decidiu compartilhar seus resultados neste infográfico: #educação #tecnologia #inovação #educador21 #edtechs #pesquisa #GoogleForEducation