• Educador21

O que é e-learning?

Embora semelhante à Educação a Distância (EAD), o e-learning é o ideal para quem não tem acesso à internet, e não necessita acesso contínuo à rede mundial de computadores para acontecer


Uma das mais importantes tendências na educação no século 21 é o e-learning. Mas não se deve confundi-lo com o ensino a distância, embora os dois modelos tenham semelhanças. O e-learning não necessita de um acesso contínuo à internet. Segundo vários especialistas da área, o ideal é que os alunos possam baixar o material didático para estudar em casa de maneira offline. Ou seja, sem o uso da internet.


Uma das principais características do e-learning é a criação de plataformas e ambientes virtuais de aprendizagem, onde os materiais didáticos ficam disponíveis para os alunos.


Porém, para que o e-learning seja efetivo, é preciso que sejam desenvolvidos materiais de estudo específicos para essa modalidade de ensino. É muito importante que esse material possa ter seu conteúdo atualizado rapidamente.


Os produtores de conteúdo interativo são profissionais que se tornaram muito importantes, já que o professor não pode ficar restrito a um livro ou autor. Hoje, é muito mais fácil alcançar obras editadas em qualquer parte do mundo.


Aplicativos já usados no dia a dia dos alunos é outra prática muito comum. Ambientes virtuais, chats e videoconferências tornam a experiência de aprender mais interativa e muito mais contemporânea.

Em um país de tamanho continental como o Brasil, é necessário que as escolas saibam utilizar as ferramentas disponíveis para alcançar todo o potencial que elas podem oferecer. Para isso, é preciso que sejam criados projetos pedagógicos que potencializem a capacidade de aprendizado do aluno.


Outro ponto muito importante é a necessidade de que os professores saibam como usar e implementar essas ferramentas tecnológicas em seus programas de ensino.


Infelizmente, o que falta na maioria das escolas são professores que saibam como planejar (e utilizar) o uso dessa tecnologia. Muitos ainda não sabem e os cursos de especialização ou atualização são precários.


#educação #tecnologia #inovação #educador21 #oqueé #elearning