• Educador21

Fundação Lemann debate o futuro da avaliação no dia 26

Evento reúne especialistas da OCDE e da Abave, além de líderes públicos. O Webinário Internacional Fronteiras da Avaliação fomenta a discussão sobre as inovações trazidas pela BNCC e pela pandemia da Covid-19


A Fundação Lemann, em parceria com a OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico) e a Abave (Associação Brasileira de Avaliação Educacional), realiza o Webinário Internacional Fronteiras de Avaliação. O objetivo é abrir espaço para discussões sobe o futuro da avaliação na educação brasileira.


O evento será transmitido nesta segunda-feira, 26 de outubro,, a partir das 9h, neste link. A inscrição é gratuita, e deve ser efetuada no mesmo endereço virtual. Na abertura, a diretora de Educação da Fundação Lemann, Camila Pereira, falará sobre a importância de construir uma visão de futuro para as avaliações educacionais. Sobretudo as padronizadas em larga escala, como Saeb e Ideb, e das parcerias entre instituições.

O diretor de Educação da OCDE, Andreas Schleicher, fará uma apresentação sobre a contribuição das avaliações para uma educação voltada aos desafios do século 21 e o que a organização tem aprendido com os exemplos pelo mundo. O webinário também contará com a presença do professor emérito da UFMG e ex-presidente do Inep, Francisco Soares, no painel sobre a BNCC e os desafios de avaliar competências e habilidades, saindo da lógica de "ensinar para a prova". Também participam do evento:

  • Alexandre Lopes, presidente do Inep

  • Maria Helena Guimarães, presidente da Abave

  • Mario Picentini e Joanne Caddy, especialistas da OCDE

  • Maria Cecilia da Motta, presidente do Consed (Conselho Nacional de Secretários de Educação)

  • Luiz Miguel Martins Garcia, presidente da Undime (União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação)

  • Ximena Duenas Herrera, especialista em educação do BID (Banco Interamericano de Desenvolvimento)

  • Fred Amâncio, vice-presidente do Consed

  • Katia Smole, diretora do Instituto Reúna

Em 2020, estava prevista a chegada da primeira Base Nacional Comum Curricular Brasileira nas escolas (BNCC). A base prevê as aprendizagens essenciais para todos os alunos ano a ano e consolida o fundamento pedagógico do desenvolvimento de competências.


As aprendizagens devem ficar cada vez mais complexas à medida que os estudantes avançam nos diferentes estágios de seu desenvolvimento. Isso inclui resolver problemas com pensamento crítico, argumentar e expor ideias, ser criativo e curioso, usar diferentes tecnologias, ter autoconhecimento, empatia, autonomia, responsabilidade social, identificar e construir um projeto de vida. Abre-se a oportunidade de deixar para trás uma forma tradicional de pensar a aprendizagem como mera aquisição de conteúdos pelos estudantes.


No Webinário, o painel "Altas expectativas na BNCC: avaliando competências e habilidades complexas" aborda a experiência do Pisa (Programa Internacional de Avaliação de Estudantes) e os desafios de construir uma avaliação capaz de capturar essa educação cada vez mais alinhada às necessidades do século 21.

SAE Digital realiza primeiro teste online durante a pandemia

Também neste ano, em maio, o Ministério da Educação (MEC) apresentou algumas propostas de mudança no Saeb (Sistema de Avaliação da Educação Básica), cujo cronograma de implementação ainda não foi divulgado. Todos os alunos, a partir do 2º ano do Ensino Fundamental, serão avaliados, de escolas públicas e privadas.


Até 2019, só participavam censitariamente da avaliação os estudantes nos anos de encerramento dos ciclos: 2º, 5º e 9º anos do Ensino Fundamental e 3ª ano do Ensino Médio, de escolas públicas. A prova, que passará de bianual para anual, também ganhará versão digital com possibilidade de compor o chamado "Enem seriado", funcionando como uma das portas de entrada para o ensino superior. O Presidente do Inep, Alexandre Lopes, falará sobre essa reforma e responderá a perguntas sobre as mudanças.


No painel "Avaliação como parceira de alunos, professores e gestores na retomada das aulas", serão discutidos o uso de dados, avaliações e tecnologia como apoio a gestores, professores e alunos, e a importância das avaliações formativas. Haverá um momento dedicado especialmente ao futuro do Saeb, com interação e perguntas dos participantes, no fim do evento remoto.


Programação

9h05 - Boas-vindas

9h15 - Abertura

A importância de construir uma visão de futuro para as avaliações e de parcerias como a da OCDE, Fundação Lemann e Abave - com Camila Pereira, diretora de Educação da Fundação Lemann

9h25 - Boas-vindas

Maria Cecília Motta (presidente do Consed e secretária de Educação do Mato Grosso do Sul) e Luis Miguel Garcia (presidente da Undime e secretário de Educação de Sud Mennucci)

9h35 - A contribuição das avaliações para uma educação voltada aos desafios do século 21 - com Andreas Schleicher, diretor de Educação da OCDE

9h50 às 10h30 - Painel

Altas expectativas na BNCC: avaliando competências e habilidades complexas - com Mario Piacentini, que analisará a experiência do Pisa na avaliação de habilidades essenciais para o século 21; Francisco Soares, que refletirá como a BNCC nos desafia a ter altas expectativas na educação; e Ximena Duenas Herrera, que enfatizará o papel dos currículos e das avaliações no enfrentamento da pandemia da Covid-19 no mundo

10h30 - Interação e perguntas dos espectadores

10h50 às 11h50 - Painel 2

Avaliação como parceira de alunos, professores e gestores na retomada das aulas - com Joanne Caddy, que falará sobre o empoderamento de professores e escolas por meio de dados e aprendizagem entre pares, com insights do Pisa para escolas no Brasil; Fred Amâncio, sobre a importância do bom uso dos resultados das avaliações para a melhoria do ensino e da aprendizagem nas redes de ensino; Maria Helena Guimarães, que abordará as avaliações diagnósticas e formativas no contexto da pandemia e no retorno às escolas; e Katia Smole, que avaliará o papel das avaliações em um sistema coerente de educação, alinhado à BNCC.

11h35 - Interação e perguntas dos espectadores

11h55 às 12h15 - O Novo Saeb - com Alexandre Lopes, presidente do Inep

12h15 - Interação e perguntas dos espectadores

12h30 - Encerramento


#educação #tecnologia #inovação #educador21 #avaliação #fundaçãolemann #webinário